quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Dinheiros $$$

Dizia-nos Arnaldo Antunes: 'dinheiro é um pedaço de papel. Dinheiro não se leva para o céu'... pois se ele não vai para o céu, vai para o 'limbo' da construção  civil.


 Felipe e eu, principalmente ele que está acompanhando tudo mais de perto, estamos bastante preocupados com esse pequeno grande detalhe!


O nosso $$$ já se foi quase que na totalidade; pegamos uma quantia emprestada com o Odilar (que começarei a pagar em breve) e é isso! Mas ainda nem terminamos completamente a fase estrutural.

Acreditamos que nossos gastos até agora tenham representado 50% do valor da obra, e precisamos obter os outros 50% restantes junto a instituições financeiras, pedras, tomando de mendigo distraído, vendendo rifa, rim, ampliando a jornada de trabalho até meia noite, assaltando - sei lá!

A questão é que estamos cansados e financeiramente enrolados: a vida na classe média, sem pais ricos, ou família endinheirada pode ser bastante estressante. Bateu aquele climão!

Sabíamos desde o início das dificuldades - mas só vivendo para realmente saber.

Acho que é apenas um momento ruim, pesado, angustiante, e com outros problemas, afinal não vivemos só para a construção: temos famílias, que são às vezes mais complicadas que deveriam ser, preocupações com trabalho, amigos, e o blá blá blá de sempre.

Além dos empréstimos para a construção, teremos em breve - se tudo der certo - que mobiliar a casa, comprar 'coisinhas' de casa, e tem também que 'comer, beber, limpar e deslocar'...

Precisamos, não de uma árvore, mas de uma floresta de $$$.

Não quero nem pensar, mas preciso.

Sei que esse 'post' foi meio deprê, mas faz parte: quem sabe, além da alegria daqueles que torcem para nossa queda, não conseguimos doações de nossos amigos....hehehe

Beijo e até a próxima.